fmp_lal10-logo1b

O BMW Motoclube Portugal vai ao Lés-Lés
Portugal, 3 a 5 de Junho com a BWM Motoclube.

Regulamento

Data

  • 3 a 5 de Junho de 2010;

Os participantes deverão deslocar-se para Faro e aí, na 5ª feira, 3 de Junho, submeterem a sua moto às Verificações Técnicas e participarem no Prólogo por todo o concelho anfitrião. No final do evento, usufruirão do domingo, dia 6, para regressarem a suas casas, já recompostos do esforço do passeio;

Por ser perto do solstício de Verão, os dias serão bastante compridos e o clima prevê-se quente e agradável;

Percurso

  • Terá cerca de 1.000 kms, recorrendo o mais possível a estradas pitorescas nunca utilizando IP's ou IC's;
  • Curtas partes do percurso não serão pavimentadas, mas perfeitamente possíveis a qualquer tipo de moto;
  • Vários motoclubes de todo o país assegurarão a animação do trajecto com controlos e outras surpresas;
  • O tempo para cumprir o itinerário será ritmado e elaborado a pensar em todo o tipo de motociclos, de modo a ser possível cumprir-se sempre o Código da Estrada vigente;

Equipas

  • Cada equipa é constituída por duas motos e de 2 a 4 pessoas (a Organização aconselha a participação apenas a passageiros habituados);
  • As duas motos de cada equipa devem apresentar-se juntas em todos os controlos;
  • Só são aceites equipas montadas em ciclomotores e motociclos podendo estes ter carro lateral;
  • Só são aceites equipas montadas em triciclos ou quadriciclos, caso os seus condutores possuam impedimento físico para conduzir motociclos;

Partidas

  • As equipas partirão de 40 em 40 segundos e por ordem no Prólogo;
  • As equipas partirão de 20 em 20 segundos e por ordem na 1ª e 2ª etapa;

Refeições

  • As refeições servidas ao longo do percurso só estarão disponíveis até 30 minutos após o horário ideal do último participante;

Controlos e pontualidade

  • Serão entregues a todos os condutores participantes, tarjetas de colocar ao pescoço (tipo Enduro ou Trial). Essas tarjetas serão picadas pelos controladores, colocados em cerca de 20 locais secretos e estratégicos ao longo de Portugal, confirmando-se desse modo o total cumprimento do itinerário idealizado;
  • Essas tarjetas também serão picadas nas partidas e chegadas das etapas;
  • Os controladores apenas picarão as tarjetas dos participantes que envergarem o dorsal sobre o vestuário;
  • Os participantes deverão esforçar-se por cumprir os horários estabelecidos no road-book, não se adiantando demasiado;
  • Os participantes apenas têm tolerância de 30 minutos de atraso nos postos de controlo;
  • Os controladores esperarão nos postos de controlo até 30 minutos depois da hora ideal do último participante;
  • Depois dessa hora, os alicates serão recolhidos pela Equipa Vassoura;
  • A hora oficial do evento é fornecida pelo número telefónico 12151;

Lembranças

  • Será atribuída lembrança, diploma e badge do evento a todos os participantes;
  • As lembranças serão entregues à chegada da 2ª etapa;

Solidariedade

  • Relembrando que este evento não tem fins competitivos, a solidariedade entre participantes é o mais importante do Algarve ao Douro Litoral;

Civismo

  • O 12º Portugal de Lés-a-Lés Moviflor é um evento turístico, nunca uma competição. Sendo efectuado na via pública, todos os participantes deverão ter uma postura prudente, cavalheiresca e respeitadora do Código de Estrada;
  • Nas localidades por onde passar o itinerário, os participantes poderão e deverão ser alegres, mas disciplinados, não alterando o trânsito normal (o que é fácil, pois as motos são veículos extraordinários pelo seu reduzido tamanho e maneabilidade);

Verificações Técnicas (manhã e tarde de 5ª feira, 3 de Junho)

  • As Verificações Técnicas (V.T.) decorrerão das 9.00h às 14.30h e por ordem de partida, no centro de Faro.

Nas V.T., será exigido, por moto:

  • Livrete e seguro;
  • Não se aceita documentação de seguro enviada por fax;
  • Carta de condução válida;
  • Moto em estado de fiabilidade;
  • Pneus em óptimo estado;
  • Nível sonoro do escape dentro do permitido por lei (86 db) ou o assinalado no respectivo livrete;
  • Matrícula homologada;
  • Retrovisores, luzes e piscas em perfeito estado;
  • Kit ou ferramenta para reparar um eventual furo;
  • Às equipas cujas motos ou documentação não passarem nas V.T. serão entregues os brindes mas não será devolvida a verba da inscrição e será impedida a participação no evento;

Entrega de material (mesmo dia, 11 de Junho)

  • Às equipas cujas motos sejam aprovadas nas V.T. será imediatamente entregue o seguinte material:
  • 1 Road-book e 1 Tarjeta por condutor;
  • 1 Dorsal por participante;
  • 2 T-shirts e 1 boné por participante;
  • Autocolantes com número da equipa;
  • Documentação diversa e brindes;
  • Será ainda colocada pulseira pessoal para acesso às refeições;

Segurança

  • O condutor participante que for observado a ingerir bebidas alcoólicas durante as duas etapas será desclassificado imediatamente;
  • Durante o percurso, os participantes estão constantemente vigiados relativamente à legalidade das condições do motociclo bem como à postura e condução na via pública. Em caso de incumprimento, os participantes serão imediatamente desclassificados;

Inscrições

  • As inscrições estão abertas a todos as motociclistas nacionais ou estrangeiros;
  • O limite de inscrições é de 1000 (mil) participantes;
  • A primeira fase de inscrições, de 21 de Fevereiro a 21 de Março, será exclusiva para sócios de motoclubes federados na FMP ou portadores de cartão de Motociclista UEM.
  • As inscrições devem-se fazer acompanhar de fotocópia de cartão de sócio do motoclube.
  • Só se aceitam inscrições via CTT
  • A ordem de partida do evento será correspondente à ordem de envio das inscrições (carimbo dos CTT)
  • A segunda fase de inscrições, até 17 de Maio, será aberta a todos os motociclistas.

O preço da inscrição inclui também DVD com o filme do evento (entregue posteriormente ao domicílio), jantar de apresentação em Faro,pequeno-almoço volante em Faro, almoço em Cuba, jantar em Sintra, pequeno-almoço volante na 2ª etapa, almoço na Lousã e jantar final no Porto.

Inclui ainda todo o material já referido, apoio mecânico J. Saraiva e AS Motorrad, assistência médica MotoEmergência ao longo das etapas, lembranças das regiões atravessadas, a simpatia dos muitos motoclubes que contribuirão para esta Organização e as portagens das auto-estradas por onde o "12° Portugal Lés-a-Lés Moviflor" passar.

Preço de Inscrição por participante (condutor ou passageiro)

  • Portador de cartão de Motociclista UEM 125 €
  • Sócio de motoclube federado na FMP 125 €
  • Não filiado 150 €

Lista de Inscritos

  • A FMP publicará a lista de inscritos por ordem alfabética em www.fmp.pt três semanas antes do evento
  • A FMP publicará a lista de inscritos por ordem de partida em www.fmp.pt dias antes do evento

Desistências

  • Em caso de desistência antes do evento, o valor da inscrição será devolvido perante a apresentação de atestado médico;
  • Em caso de desistência durante o evento, o participante deverá imediatamente informar a Organização pelos números telefónicos distribuídos;

Refeições

  • As refeições incluídas no programa da organização estão previstas apenas para participantes inscritos e elementos da organização identificados;
  • Estas refeições serão servidas apenas a quem usar Dorsal e pulseira identificativa;

Reclamações

  • Deverão ser entregues por escrito e em triplicado, assinadas por um bisavô do participante e autenticadas por notário, 30 minutos após o término do Lés-a-Lés;
  • A Organização é soberana, resolvendo os casos omissos